Puxada por milho, safra de grãos 2018/19 do Brasil tem potencial de recorde, diz Conab

Publicado em 11/10/2018 por Terra

Puxada por milho, safra de grãos 2018/19 do Brasil tem potencial de recorde, diz Conab

A safra de soja 2018/19 do Brasil deve se manter estável ou mesmo cair ante o ciclo anterior, mas ainda assim o país tem potencial para colher um volume recorde de grãos e oleaginosas na atual temporada graças à recuperação das lavouras de milho, afirmou nesta quinta-feira a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Em seu primeiro levantamento para a safra vigente, o órgão estimou uma colheita de soja entre 117,04 milhões e 119,42 milhões de toneladas, ante 119,28 milhões de toneladas em 2017/18.

Em recente pesquisa da Reuters, analistas e consultorias apostaram em uma safra próxima a 120,40 milhões de toneladas no Brasil, o maior exportador global da commodity.

Conforme a Conab, a estimativa conservadora leva em conta uma potencial produtividade menor, na casa de 3,30 toneladas por hectare (-2,7 por cento), apesar de a área poder crescer para um recorde de 36,17 milhões de hectares, de 35,14 milhões em 2017/18.

A soja é a principal cultura agrícola do Brasil e item de grande peso na pauta de exportação do país.

Embora as perspectivas da Conab para a safra vigente da oleaginosa sejam tímidas, a tendência é de que produção total de grãos e oleaginosas cresça ante 2017/18 graças ao milho, cultura que no último ano foi prejudicada por uma área plantada menor e condições climáticas adversas.

A produção total de milho do Brasil em 2018/19 deve atingir algo entre 89,73 milhões e 91,08 milhões de toneladas, contra 80,78 milhões de toneladas em 2017/18. A maior oferta, inclusive, deve permitir ao país exportar um recorde do grão nesta temporada.

Dessa forma, a Conab prevê uma produção total de grãos e oleaginosas em 2018/19 entre 233,55 milhões e 238,64 milhões de toneladas, versus 227,81 milhões de toneladas no ano anterior. Caso o limite superior das estimativas se concretize, ultrapassaria o volume histórico de cerca de 237 milhões de toneladas visto em 2016/17.

"Se nós tivermos um clima ideal... Nós poderemos ter a maior safra brasileira de grãos", destacou o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, em coletiva de imprensa em Brasília.

Segundo o órgão do governo, a área plantada total neste ano deve variar de 61,87 milhões a 63,14 milhões de hectares, contra 61,73 milhões em 2017/18.

Reuters

Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente