Segue a vergonha nacional: Banco do Brasil é o maior credor de empresas que desmatam o país

Publicado em 01/09/2020 por Redação GS Notícias

“O Banco do Brasil é, de longe, o maior credor de empresas com risco de desmatamento no país, tendo fornecido US$ 30 bilhões (R$ 165 bilhões) a elas desde 2016, especialmente às indústrias de carne bovina e soja”
A conclusão é de um levantamento da coalizão internacional Forests and Finance divulgado nesta terça (1º).
Entre os cinco maiores credores do Brasil estão o Bradesco, com US$ 7,5 bilhões (R$ 41,25 bilhões); o holandês Rabobank, com US$ 5,4 bilhões (R$ 29,7 bilhões); o estadunidense JPMorgan Chase, com US$ 5,2 bilhões (R$ 28,6 bilhões); e o espanhol Santander, com US$ 4,5 bilhões (R$ 24,75 bilhões).
A coalizão – que reúne organizações como Rainforest Action Network, Profundo, Repórter Brasil, Amazon Watch e BankTrack – mapeou fluxos financeiros entre janeiro de 2013 e abril de 2020 de cerca de 300 grandes empresas do setor commodities com risco de desmatamento no Brasil, no sul da Ásia – onde 82% do desmatamento é movido pela produção de óleo de palma – e na África central e ocidental, onde a borracha tem sido o principal motor da destruição de florestas tropicais.