SELO COMBUSTÍVEL SOCIAL

Publicado em 30/08/2019 por Abrapalma

A Associação Brasileira de Produtores de Óleo de Palma (Abrapalma) realiza na manhã de hoje, na sede da FAEPA, evento para anunciar o acesso dos pequenos agricultores ligados à cadeia produtiva da palma de óleo ao Selo Combustível Social, do Ministério da Agricultura (Mapa).
Óleo selo.jpg
A conquista resulta de uma robusta agenda de trabalho liderada pela Abrapalma na Amazônia Legal, dedicada à valorização do trabalho decente, estímulo a arranjos socioprodutivos locais, inclusão de mulheres e pessoas com deficiência (PCD) e combate ao trabalho infantil. 
“Os agricultores familiares representam um elo importante em nossa cadeia produtiva. Eles  podem, e devem, ser vistos como nossos grandes parceiros, em uma relação de ganha-ganha. Para que isso aconteça é preciso apoiá-los com capacitação e empoderamento”.
Para alcançar seu objetivo a Abrapalma tem realizado ciclos de debate, reflexão e qualificação em seus municípios polo. Cerca de 500 agricultores já interagiram com a associação em eventos realizados em São Domingos do Capim, Tomé-Açu e Tailândia sob a coordenação da Consultora Kátia Garcez.
A rodada que acontece hoje em Belém também conta com a participação de Ana Carolina Nogueira, Coordenadora de Fomento a Energias Renováveis do Mapa. Ela está na capital paraense para informar sobre o processo de credenciamento ao selo e relatar os esforços da Abrapalma para garantir o benefício a mais de 1.000 famílias de agricultores familiares.