Sindustrigo anuncia novo presidente

Publicado em 14/05/2019 por Attuale Comunicação

Executivo Valnei Vargas Origuela assume a diretoria do Sindicato até 2022
O Sindicato da Indústria do Trigo no Estado de São Paulo (Sindustrigo) conta, a partir de maio de 2019, com uma nova diretoria executiva, constituída em eleição realizada em abril. Com mandato até 2022, Valnei Vargas Origuela assume o cargo de presidente da entidade, que atualmente representa 10 dos principais moinhos do estado.
Com 37 anos de história no segmento moageiro, Origuela toma posse com o desafio de auxiliar os moinhos na retomada do crescimento, por meio de ações efetivas do Sindicato. “O setor lamentavelmente não passou impune por essa crise enorme que atingiu o Brasil. Estamos vivenciando um momento de muita cautela e necessidade de observação. Como representante, minha principal tarefa é estar junto aos associados e analisar as oportunidades, como instituição, para sairmos desse cenário”, afirma.
De acordo com ele, as reformas que estão em pauta no Governo Federal merecem atenção. “O Estado de São Paulo é o destino de farinhas produzidas em moinhos de outras unidades da federação por conta, em grande parte, dos casos de práticas tributárias que não observam a necessária isonomia. Somos favoráveis a livre concorrência e entendemos que as eventuais distorções devam ser corrigidas. Como há uma enorme capacidade ociosa dos moinhos paulistas, este seguramente será um dos temas sobre o qual manteremos a mais rigorosa atenção“, explica o também presidente do Moinho Anaconda.
Segundo o executivo, as reformas serão fatores decisivos também para a retomada da economia e, consequentemente, incremento do consumo. “Sem dúvida, a queda do consumo, que está diretamente relacionada ao desemprego e à perda de renda da população, tem afetado os nossos negócios de forma preocupante. Já são três anos que o setor moageiro brasileiro acumula perdas expressivas de rentabilidade”, destaca.
Trigo paulista
A necessidade da compra de trigo oriunda de outras regiões, por parte dos moinhos paulistas, é um dos pontos que também merecem a atenção do Sindicato, de acordo com o presidente eleito.
O trabalho promovido pela Câmara Setorial, desde 2013, tem refletido diretamente na melhora da qualidade do grão no estado, auxiliando na compra de matéria-prima com preços mais atrativos tanto para a indústria quanto para o produtor paulista.
“Câmara Setorial e Sindustrigo, atuando junto ao setor agrícola, implementaram melhorias de qualidade e incremento de produção do trigo paulista, com inegáveis benefícios para toda a cadeia. Vamos continuar investindo nesse esforço conjunto acreditando nos efetivos ganhos de rentabilidade dos moinhos de trigo e sempre com o inarredável compromisso com a qualidade dos produtos oferecidos aos nossos clientes”, finaliza.
Sobre o Sindustrigo
O Sindicato da Indústria do Trigo no Estado de São Paulo (Sindustrigo) é uma instituição de mais de 70 anos e tem como objetivo principal a coordenação, a proteção e a representação legal das categorias econômicas e setores relacionados a esse importante segmento da cadeia alimentícia que é a indústria do trigo do Estado de São Paulo.
Representando 10 dos principais moinhos do estado, o Sindustrigo tem trabalhado pelo engrandecimento social e econômico dessa categoria enfrentando grandes desafios, mas sobretudo, garantindo a efetividade de suas ações.