Soja garante desempenho das exportações agrícolas gaúchas

Publicado em 11/01/2018 por Jornal do Comércio - RS

O ano de 2017 teve o maior volume de soja em grão exportado pelo Rio Grande do Sul desde o início da série histórica divulgada pela Fundação de Economia e Estatística (FEE) em 2007, totalizando 12 milhões de toneladas.
Com esse recorde, as exportações do agronegócio gaúcho registraram elevação de 3,4% no acumulado do ano passado, devido ao aumento no volume embarcado (9,9%) e queda nos preços médios (-6,0%), totalizando US$ 11,4 bilhões.
O complexo soja (US$ 5,5 bilhões) liderou o ranking de setores mais importantes para as exportações do agronegócio gaúcho em 2017, seguido por carnes (US$ 2,0 bilhões), fumo e seus produtos (US$ 1,6 bilhão), produtos florestais (US$ 596,9 milhões) e cereais, farinhas e preparações (US$ 386,9 milhões).
Comparativamente ao ano de 2016, o complexo soja foi o setor que apresentou o maior crescimento absoluto no valor exportado (mais US$ 625,1 milhões, 12,9%). O incremento de 23,6% no volume das vendas externas de soja em grão foi o principal responsável por esse desempenho.
Os setores com queda no valor exportado no ano passado são produtos florestais (menos US$ 182,0 milhões, -23,4%), máquinas e implementos agrícolas (menos US$ 155,4 milhões, -61,7%) e couros e peleteria (menos US$ 55,5 milhões, -12,9%).
Os principais destinos das vendas gaúchas do agronegócio para o exterior foram China (44,9%), União Europeia (14,1%), Rússia (3,3%), Estados Unidos (3,2%) e Coreia do Sul (2,5%). Esses destinos concentraram 68,1% das exportações do período.