Bolsas da Ásia fecham sem sinal único, com Xangai e Tóquio em leve alta

Publicado em 10/10/2018 por IstoÉ

As bolsas asiáticas não tiveram movimento único, nesta quarta-feira. Tóquio e Xangai conseguiram registrar altas modestas, em dia positivo para ações do setor de energia em geral, mas em Seul houve queda de mais de 1%, na volta aos negócios depois de um feriado na Coreia do Sul no dia anterior. Em Taiwan, um feriado local deixou os mercados fechados.

Na China, a Bolsa de Xangai fechou com avanço de 0,18%, em 2.725,84 pontos, e a de Shenzhen, de menor abrangência, teve baixa de 0,15%, a 1.445,92 pontos. A sessão foi de volatilidade, com ações do setor de metais e gás apresentando desempenho positivo, mas montadoras e o setor de saúde sob pressão.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng subiu 0,08%, a 26.193,07 pontos, em sua primeira alta em outubro. Tencent recuou 2,5%, mas China Mobile avançou 3% e Link REIT teve ganho de 2,5%.

Na Bolsa de Tóquio, o índice Nikkei subiu 0,16%, a 23.506,04 pontos, encerrando uma sequência de quatro quedas consecutivas. O setor de mineração se destacou, em alta de 2,6%, porém outros papéis importantes caíram, como SoftBank (-5,4%).

Na Coreia do Sul, a volta do feriado foi negativa. Na Bolsa de Seul, o índice Kospi registrou queda de 1,12%, em 2.228,61 pontos, em sua mínima de fechamento em 17 meses. Hyndai Motor caiu 1,64% e Korea Electric Power teve recuo de 3,98%.

Na Oceania, o índice S&P/ASX 200 teve alta de 0,14%, a 6.049,80 pontos. Entre os papéis mais negociados, Eden Innovations subiu 28,17% e Sundance Energy avançou 1,05%, enquanto Quantum Graphite caiu 25,00%.