Circuito Comunidade chega a Campina Grande no próximo dia 27

Publicado em 12/01/2018 por Jornal da Paraíba

Circuito Comunidade chega a Campina Grande no próximo dia 27

Caravana social leva serviços gratuitos à população.




Circuito Comunidade

Foto: Divulgação/TV Paraíba

A cultura, o lazer e a cidadania vão invadir os bairros de Campina Grande. No próximo dia 27, a TV Paraíba dá início ao Circuito Comunidade, projeto que disponibiliza gratuitamente à população diversos serviços sociais. A primeira parada da caravana será na Praça Severino Cabral, em Bodocongó I.

No local, o público terá acesso à aferição de pressão arterial, teste de glicemia, serviços de enfermagem, testes rápidos de saúde, atualização do cartão de vacina, confecção do cartão do Sistema Único de Saúde (SUS), orientação de ação no combate à dengue e zoonoses. Também haverá limpeza de pele, massagem e pintura em rosto.

As tendas espalhadas no evento ainda vão receber cadastramento para vagas de emprego, dúvidas sobre os direitos do consumidor, dicas de educação no trânsito, distribuição de mudas de árvores, pontos de descarte de lixo eletrônico e exposição de robótica. No palco, os campinenses vão conferir apresentações de grupos culturais da própria comunidade ou de regiões circunvizinhas.

"Estamos muito empolgados em levar o projeto para Campina porque a população sempre abraça esse tipo de evento e temos muitos talentos na cidade que merecem espaço. A expectativa é grande e temos a certeza que será um sucesso tal qual acontece em João Pessoa", disse o gerente de Programação e Operações da Rede Paraíba de Comunicação, Amadeu Lima.

No próximo mês, a ação chega à Praça Joana d'Arc, no José Pinheiro. Depois, será a vez do bairro do Cruzeiro. Realizado desde 2016 em João Pessoa, o Circuito Comunidade em Campina Grande tem o apoio da Central Única das Favelas (Cufa) e o patrocínio do Armazém Paraíba, do Bilhetão e da Energisa.

SERVIÇO

Evento: Circuito Comunidade

Data: sábado, 27 de janeiro de 2018

Horário: 8h às 13h

Local: Praça Severino Cabral (Bodocongó I)