Dia do surdo será comemorado em Belém com apresentação do coral infantil de libras Mãos que Falam ao Coração

Publicado em 25/09/2019 por Gaby Comunicação

Chamar atenção para a inclusão é um dos objetivos do grupo
CoralSurdo.jpg
No mês de setembro, é comemorado o dia do surdo. A data busca marcar, também, a luta das pessoas pela inclusão e respeito à diversidade. Para a Organização Mundial da Saúde (OMS), a surdez pode trazer consigo diversas problemáticas que corroboram para danos sérios à saúde, inclusive os mentais como, por exemplo, a depressão.
“Nesse contexto, é de extrema importância integrar essas pessoas em um ambiente saudável. Mais que isso, é um convite para que todos nós tenhamos a preocupação em aprender a linguagem de sinais”, afirma o mestre em educação João Carlos Cunha.
Pensando nisso e com o objetivo de emocionar, o coral de libras Mãos que Falam ao Coração, formado crianças e adolescentes da escola Adventista de São Brás, existe em Belém. O grupo, que faz apresentações em espaços públicos e privados da capital, surgiu com a ideia de incluir e oportunizar a aprendizagem da língua de sinais.
“O principal objetivo do coral é promover a integração entre essas crianças e mostrar o respeito que devemos a todos. É uma oportunidade de demonstrarmos o quanto isso é importante e que pessoas, com deficiência auditiva ou não, devem ser integradas a uma sociedade justa e igual para todos”, afirma a coordenadora, Patrícia Braga.
A próxima apresentação do grupo será realizada no dia 26 de setembro, a partir das 17h, na praça de alimentação do Boulevard Shopping, localizado na avenida Visconde de Souza Franco. “O Shopping é plural desde a sua concepção. Com certeza, o evento será emocionante para todos. Esse é um dos nossos objetivos”, diz a gerente de marketing do Shopping, Glenda Abdon.
Serviço:
Apresentação do coral Mãos que Falam ao Coração
Local: Praça de alimentação do Boulevard Shopping, localizado na avenida Visconde de Souza Franco, nº 776
Hora: 17h
Evento gratuito