Família faz campanha para tratamento nos EUA de criança que se afogou

Publicado em 16/04/2018 por A Gazeta - MT

A família do menino Jether Emanoel, 3, iniciou uma campanha na internet para arrecadar R$ 200 mil para que o garoto possa fazer um tratamento de oxigenoterapia nos Estados Unidos. Ele foi vítima de um afogamento há 1 ano e desde então está internado na Ala Pediátrica no Pronto-Socorro de Cuiabá.

Divulgação

Família faz campanha para tratamento

Jether Emanoel sofreu um acidente de afogamento na piscina do Centro de Tradições Gaúchas de Alta Floresta (802 Km de Cuiabá) em maio do ano passado. Após ficar minutos submerso na piscina, a criança foi reanimada e transferida para a capital. Atualmente, ele respira através de traqueostomia e tem movimentos limitados.

De acordo com a mãe da criança, Selma Lopes, a família não tem condições de bancar o tratamento e está mobilizando todos os conhecidos a ajudar na arrecadação do valor de R$ 200 mil a ser destinado para o tratamento de oxigenoterapia.

"Sou manicure, tenho mais dois filhos em casa e meu marido fica a maior parte do tempo em Cuiabá acompanhando nosso Jether. Foi através de pesquisas pela internet que descobri o tratamento das Câmeras Hiperbáricas e vi casos com comprovação de resultados. Com fé em Deus o Jether vai melhorar", disse.

O tratamento de oxigenoterapia hiperbárica deverá ser realizado em Nova Orleans com o especialista em medicina hiperbárica Paul Harch, da Escola de Medicina LSU. A família já entrou em contato com o especialista, que afirmou receber a criança brasileira para o tratamento.

Divulgação

Jether Emanoel tem 3 anos de idade

Segundo Selma Lopes, o que motivou a família a querer levar o menino para os Estados Unidos foi o caso de sucesso de uma criança americana de dois anos, identificada como Eden Carlson, que quase morreu afogada.

Ela, porém, teve grandes avanços na recuperação com o tratamento. A menina chegou a ter danos cerebrais revertidos graças à oxigenoterapia hiperbárica, de acordo com as pesquisas feitas por Selma.

Como ajudar -  Para arrecadar o valor necessário para realizar o tratamento, a família está vendendo seus bens materiais e mobilizando a sociedade para somar nesta luta pela recuperação do menino. Para isso, foi criada uma Vaquinha Virtual, onde os interessados podem realizar depósitos de qualquer valor. Para fazer as doações, basta clicar aqui.

Além disso, os depósitos também podem ser realizados na Conta Poupança da Caixa da família - Agência 1385, Conta 0005 2554-4. Para mais informações, os interessados podem entrar em contato direto com a  família pelos telefones (66) 99205-4142 ou (66) 9 9662-4289.