Moradores afetados por cratera em Petrópolis recebem auxílio para arcar com aluguel

Publicado em 14/11/2017 por O Globo

Cratera às margens da BR-040. Imagem de 07-11-2017 - Marcello Santos / Agência O Globo

RIO - A entrega do auxílio emergencial para despesas com aluguel começou a ser entregue às 40 famílias afetadas pela interdição preventiva decretada pela Defesa Civil no último sábado, em decorrência da cratera na BR- 040, na comunidade do Contorno, em Petrópolis, Região Serrana do Rio. O pagamento no valor de R$ 1 mil foi realizado pela Concer, concessionária responsável por aquele trecho da rodovia, na tarde desta segunda-feira, na sede da associação de moradores e Centro de Educação Infantil Aldeia da Criança.

Por meio de nota, a concessionária informou que, nesta terça-feira, esses mesmos moradores receberão cestas básicas, além de kit de higiene pessoal. Outras famílias que não puderam voltar para casa logo após o deslizamento já haviam recebido o auxílio.

LEIA TAMBÉM: Concessionária altera fluxo da Rio-Petrópolis após interdições provocadas por deslizamento

Ao todo, ainda conforme consta no comunicado divulgado na noite desta segunda-feira, "mais de 90 famílias já receberam o auxílio emergencial da empresa":

"A equipe da Concer designada para as ações de apoio à comunidade está no Contorno há uma semana e foi reforçada, permanecendo de prontidão 24 horas, com ponto de atendimento permanente. ", consta de um trecho da nota da concessionária.

APÓS DESLIZAMENTO, TRAÇADO DA RIO-PETRÓPOLIS É ALTERADO

A interdição de um trecho da BR-040, provocada pela abertura de uma cratera na altura do Km 81, próximo à comunidade do Contorno, provocou uma alteração no fluxo da estrada. A previsão é que as alterações passem a valer a partir do dia 16 de novembro.

LEIA AINDA: Sobe para 95 o número de desalojados por causa de cratera na Serra de Petrópolis

De acordo com a concessionária Concer, responsável pela via, o trecho sentido Juiz de Fora, entre os quilômetros 81 e 78, passará a operar em mão dupla. Para quem trafega no sentido Rio de Janeiro, o acesso ao trecho de mão dupla se dará na altura do km 80/RJ.

O tráfego seguirá por mão dupla até o retorno existente pouco antes do Túnel do Quitandinha. A velocidade máxima no trecho será de 50km/h, e as ultrapassagens serão proibidas.