Na semana em que se comemora o Dia do Índio Canal Brasil estreia a série Diários da Floresta

Publicado em 15/04/2018 por A Tarde - BA

Série traz a rotina da etnia Paiter Suruí - Foto: Divulgação
Série traz a rotina da etnia Paiter Suruí

Na semana em que se comemora o Dia do Índio, o Canal Brasil exibe, de segunda a sexta, a série Diários da Floresta, que relata o cotidiano, a convivência, as relações sociais e políticas e os mitos relacionados à etnia Paiter Suruí, sob a visão de Betty Mindlin. Entre 1979 e 1983, a antropóloga e economista viajou seis vezes para Rondônia, para conviver com os indígenas. Seu envolvimento com os Paiter Suruí e suas anotações de campo a levaram a escrever o livro Diários da Floresta, lançado em 2006, que inspirou o roteiro da série homônima.

Em uma mistura de realidade e ficção, os cinco episódios, assinados por Luiz Arnaldo Campos e estrelados por Rita Carelli, têm índios Paiter Suruí no elenco e vão ao ar de 16 a 20/4, sempre às 19h.

A protagonista é a antropóloga Cecy Brik (Rita Carelli), que passa por um processo de indigenização, ao mesmo tempo em que os Paiter Suruí sofrem o processo inverso, principalmente devido à atuação de religiosos na região. Memórias, fotos e recordações relatam o cotidiano dela ao lado dos indígenas, a convivência com seus costumes e as relações sociais traçada entre eles. Em uma visão apaixonada, a protagonista luta pelos direitos de demarcação de terras, enfrenta as tentativas de catequização de religiosos e vê a própria trajetória misturada à de seus objetos de pesquisa.