Nossos desafios começam em 2018, diz desembargadora sobre voto consciente no Reage, Rio!

Publicado em 06/12/2017 por O Globo

RIO - O debate sobre Ética no seminário "Reage Rio!" foi aberto nesta quarta pela desembargadora Jacqueline Lima Montenegro, da 15ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio, e ela ressaltou que a mudança do cenário que vemos hoje na política começa em 2018 a partir do voto consciente dos eleitores, que não é fácil de estimular principalmente pela falta de inclusão social e carência de informação a que estão expostos a maioria dos eleitores brasileiros.

Acompanhe o evento ao vivo (para enviar sugestões e comentários, basta digitar nas redes sociais #reagerio):

- No meu modo de ver, 2018 não é (o ano) da solução, é um ano de desafio, é o momento de começar a fazer um projeto novo para o país. Para mudar (o atual cenário), precisamos da boa política e precisamos zerar o cronômetro. E, em 2018, não teremos todas as novas lideranças de que precisamos. Estamos atrasados, e como vamos fazer? Vamos mudar ao nosso redor, vamos fazer a nossa propaganda do bem - disse a magistrada, ex-presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ).

'Em 2018, não teremos todas as novas lideranças de que precisamos. Estamos atrasados, e como vamos fazer? Vamos mudar ao nosso redor, vamos fazer a nossa propaganda do bem'

- Jacqueline Lima Montenegro Desembargadora, ex-presidente do TRE-RJ

Segundo ela, há uma "pequena elite" no país com acesso à informação e que pode aplicar o voto consciente, e esse grupo de pessoas tem responsabilidade de falar com seus círculos de amizade e convívio para alertar sobre os riscos da eleição de 2018 e ajudar a conscientizar o voto.

- Infelizmente, hoje ainda precisamos tutelar o eleitor, tutelar a liberdade de voto do eleitor. Esse discurso que estou fazendo aqui, ver como o candidato se formou, quais são suas propostas, a que partido e ideologia está ligado, é para quem tem informação, mas temos uma imensa massa que não tem capacidade de avaliar e julgar. Temos hoje ainda eleitores que trocam voto por dentadura - alertou.

INSCRIÇÕES GRATUITAS PARA ESTA QUARTA E QUINTA

Se você quiser comparecer ao seminário, as inscrições, gratuitas, ainda estão abertas e podem ser feitas aqui, inclusive para o segundo dia, quando serão debatidas economia criativa, saúde e cultura.

O "Reage, Rio!" é uma realização dos jornais O GLOBO e "Extra", com oferecimento do Sistema Fecomércio RJ por meio do Sesc RJ, patrocínio da Oi e apoio do shopping RioSul.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DESTA QUARTA:

PAINEL 1: ÉTICA

10h50: Jacqueline Lima Montenegro (ex-presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro e desembargadora da 15ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro)

11h10: Daniel Aarão Reis (professor titular de História Contemporânea da UFF)

11h25: Jean Michel Dias (CEO de A Nova Voz)

12h10 às 14h30: Almoço

PAINEL 2: SEGURANÇA

14h40: Sebastian Hacher (jornalista argentino especialista em violência na América Latina)

15h: Eduardo Caon (coordenador da TV Degase)

15h20: Roberto Sá (Secretário de Segurança do Estado do Rio de Janeiro)

15h35: Rivaldo Barbosa (delegado da Divisão de Homicídios)

15h50: Edu Carvalho (colaborador do site FavelaDaRocinha.com

16h05: Rafael Estrela Nóbrega (titular da Vara de Execuções Penais do TJ-RJ)

16h20: Ignacio Cano (sociólogo)

16h35: Eugênio Ricas (diretor de combate à corrução da Polícia Federal)

Haverá debate em seguida.

17h20 às 17h40: encerramento com coffee break.