Renato via telefone, troca-troca com Corinthians e compra da Arena: como o Grêmio começa a trabalhar seu 2019

Publicado em 03/12/2018 por Zero Hora

Félix Zucco / Agencia RBS

Equipe garantiu vaga no G-4 e classificação direta à fase de grupos da Libertadores

Félix Zucco / Agencia RBS

Nem bem o árbitro Ricardo Marques Ribeiro apitou o final do jogo com o Corinthians, Renato Portaluppi fez seu último ato no Grêmio em 2018. Já de férias e com contrato renovado até o final do ano que vem, saiu correndo pela zona mista da Arena rumo ao vestiário, apressado para tomar voo ao Rio de Janeiro que decolaria às 20h do aeroporto Salgado Filho. No vestiário, despediu-se da direção, dos jogadores e não teve tempo de conceder a entrevista no pós-jogo.

- Desejei a ele muitos chopes gelados e futevôlei - brincou o vice de futebol Duda Kroeff, que manterá contato com o técnico por telefone para avaliar reforços.

Assim, coube a Kroeff e ao presidente Romildo Bolzan atender aos jornalistas e realizar a projeção do planejamento para 2019. A reapresentação dos jogadores para a pré-temporada ocorrerá em 3 de janeiro. Mas, com o fôlego da vaga direta na fase de grupos da Libertadores, as primeiras rodadas do Gauchão, que se iniciará dia 20, contra o Novo Hamburgo, serão disputadas com o time de transição, comandado pelo técnico Thiago Gomes. 

Antes disso, porém, o trabalho da direção será árduo. Em dezembro, o executivo André Zanotta, em parceria com Kroeff e os diretores Alberto Guerra e Deco Nascimento, tentará viabilizar a chegada de até cinco reforços em nível de titularidade. O primeiro movimento no mercado pode ser um negócio com o Corinthians. Afinal, a imprensa paulista especula que o atacante Marinho pode ser cedido em troca da contratação em definitivo do lateral-esquerdo Juninho Capixaba. A possibilidade não foi descartada por Kroeff.

- A partir de agora, com a renovação do Renato por mais um ano, as conversas vão se tornar mais objetivas. O Zanotta vai tocar este trabalho - disse Kroeff.

Além das negociações, a direção também se ocupará com o sorteio da Libertadores. No dia 17 de dezembro, integrantes do departamento de futebol estarão em Luque, no Paraguai, para representar o clube no evento da Conmebol. Até lá, o trabalho de montagem do elenco para 2019 será a prioridade do clube.

- Nós criamos crédito no mercado. Podemos trabalhar o custeio diluído no tempo de contrato. A situação ideal é mesclar seu plantel com jogadores da base e os mais experientes, em nível de titularidade. Assim, teremos a perspectiva de formar novos talentos. Esse binômio, que nos trouxe bons negócios, não será alterado. É a cultura do clube. Vamos fazer o diagnóstico mais correto possível - comentou Romildo Bolzan, reforçando que a prioridade será a busca por atletas em final de contrato para não ter de desembolsar valores na compra de direitos econômicos.

O presidente também projeta avanço nas negociações para a compra da gestão da Arena na próxima temporada. A expectativa é que a resolução das questões no entorno destrave as tratativas em um futuro próximo.

- Estamos aguardando soluções que não dependem do Grêmio. Isso está andando, depende da situação do entorno. Passa por prefeitura, Ministério Público e o financiador, que é a Karagounis. Destravado isso, podemos recomeçar. Já falamos com alguns bancos e podemos recomeçar de onde paramos - explicou Bolzan.