Dólar inicia a semana em alta e se aproxima dos R$ 3,30

Publicado em 13/11/2017 por O Globo

SÃO PAULO - O dólar comercial iniciou a semana em alta e se aproxima dos R$ 3,30. A moeda americana era negociada a R$ 3,288, uma valorização de 0,21% ante o real - na máxima, chegou a R$ 3,299. Já o Ibovespa, principal índice de ações do Brasil, tem alta de 0,27%, aos 72.362 pontos.

A maior parte da pressão sobre o dólar tem origem no exterior, entre elas o processo de saída do Reino Unido da União Europeia em um momento de menor apoio político à primeira-ministra britânica, Theresa May. O "dollar index", que mede o comportamento da divisa frente a uma cesta de dez moedas, tem alta de 0,13%.

Internamente, os investidores estão atentos às negociações do governo com a Câmara dos Deputados para tentar fechar apoio a um novo texto da Reforma da Previdência. "Em dia de agenda vazia de indicadores econômicos importantes, a semana começa em tom mais ameno em relação aos últimos dias, com sinais de que a minirreforma da Previdência deve ganhar impulso", avaliou Ricardo Gomes da Silva, superintendente da Correparti Corretora de Câmbio.

No mercado de ações, os papéis mais negociados registram leves altas, o que permite que o Ibovespa fique em terreno positivo. Os preferenciais (PNs, sem direito a voto) da Petrobras têm leve alta de 0,23%, cotados a R$ 16,76, e os ordinários registram variação positiva de 0,17%, a R$ 17,56.

No caso da Vale, as ações preferenciais sobem 0,85% e as ordinárias, 0,57%. Também operam no terreno positivo os papéis do setor bancário, que possuem o maior peso na composição do índice. Os preferenciais do Itaú Unibanco e do Bradesco sobem, respectivamente, 0,38% e 0,48%. No caso do Banco do Brasil, a alta de 0,47%.

Os investidores também repercutem as novas provisões para inflação e crescimento, que foram divulgadas nesta manhã pelo Banco Central. O relatório Focus mostra que os economistas esperam uma inflação um pouco maior, mas ainda abaixo da meta.