Feirão oferece mais de 200 vagas para pessoas com deficiência em Blumenau

Publicado em 14/09/2018 por Jornal de Santa Catarina

Emprego14/09/2018 | 07h00Atualizada em

Pessoas com deficiência e reabilitados do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) que estão em busca de uma oportunidade no mercado de trabalho devem ficar atentos a um evento que ocorre amanhã em Blumenau. O feirão de emprego faz parte das atividades alusivas ao Setembro Branco da Inclusão e tem início programado para 9h, no Complexo Esportivo do Sesi, e segue até as 14h. Estima-se que mais de 200 vagas serão oferecidas pelas 67 empresas da região que vão participar. Os interessados devem levar carteira de trabalho, identidade e currículo.

A consultora do Programa de Inclusão do Sesi e uma das organizadoras do feirão, Thaís Tavares Pompeo, explica que cada empresa terá um espaço para receber os interessados com fichas para preenchimento na hora. Em alguns casos, a pessoa pode sair com entrevista agendada. 

Para Marcelo Tikara Divino, 35 anos, foi assim. Ele participou da edição passada do feirão e conseguiu colocação em uma empresa que desenvolve sistemas para a área da saúde. Desde novembro de 2017, ele ocupa uma vaga na área de infraestrutura de tecnologia da informação. Para o trabalhador, que estava desempregado, a iniciativa foi fundamental.

- Pessoas com deficiência quase não têm oportunidades, e o feirão oferece essa possibilidade de concorrer a vagas de empregos - diz.

Esse ano, o evento terá uma novidade. Diferente das edições de 2016 e 2017, agora é uma exigência do Ministério do Trabalho e Emprego que as empresas participantes tenham vagas disponíveis.

- O objetivo é propiciar essa aproximação entre empregador e candidato e jogar luz no tema inclusão. É preciso que as pessoas com deficiência voltem a acreditar que tem emprego para elas e que são capazes - pontua a auditora fiscal do ministério, Luciana Xavier Sans de Carvalho.

As vagas disponíveis amanhã são para diversos setores. Apenas uma empresa de soluções em software vai oferecer 30 vagas nas áreas de ciências da computação, análises de sistemas, RH e TI.

 Blumenau - SC - Brasil - 13092018 - Marcelo Tikara Divino, deficiente auditivo que trabalha na Philips.

Marcelo Tikara Divino participou do feirão ano passado e hoje trabalha em uma empresa de tecnologia

Foto: Patrick Rodrigues / Jornal de Santa Catarina

Faltam candidatos para ocupar funções

Luciana se mostra otimista com a adesão das empresas. Em 2016, foram cerca de 30 companhias parceiras do evento e, no ano passado, o número subiu para 40. 

O crescimento demonstra a preocupação em cumprir a previsão legal. Na região de Blumenau, que compreende 13 cidades, 250 empresas têm obrigatoriedade de contratar pessoas com deficiência.

- Temos 3.744 vagas nesse universo para serem preenchidas, mas apenas 1.607 pessoas empregadas, de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de maio de 2018. Por isso esse evento é imprescindível - defende a auditora.

Durante o evento, atividades culturais, de lazer e serviços também serão oferecidas ao público. A promoção contempla um desfile de moda inclusiva, atividades paradesportivas para a comunidade, orientação para elaboração de currículo, além de saúde.

SERVIÇO
-
Feirão de empregos para pessoas com deficiência e reabilitados do INSS
- Sábado, das 9h às 14h
- Complexo Esportivo do Sesi, na Rua Itajaí, 3.434, bairro Vorstadt, em Blumenau
- Entrada gratuita