Paraná Clube não espera facilidades contra o Santa Cruz

Publicado em 14/11/2017 por Paraná Online

O Paraná Clube volta a campo nesta terça-feira (14) em mais uma batalha para o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro. Com 59 pontos somados até agora, uma vitória diante do Santa Cruz, no Arruda, a partir das 21h30, deixa o Tricolor muito perto do sonho do retorno à elite. Pelas contas, são necessários sete pontos. Mas podem ser menos.

E o Tricolor recobrou o ânimo na última rodada, quando bateu o Luverdense por 2×0 na Vila Capanema. Depois de duas derrotas consecutivas, contra Oeste e Brasil de Pelotas, vencer o time mato-grossense deu uma nova injeção de ânimo ao elenco. Para o zagueiro Eduardo Brock, a equipe precisava confirmar os três pontos em casa, principalmente após a derrota contra o Oeste. "Tivemos a cabeça no lugar e a consciência de fazer um bom jogo, de se entregar e conseguir a vitória, o que faz com que a gente continue apenas dependendo da gente para subir", disse à rádio Banda B.

A favor do Tricolor, além do ânimo reconquistado, está o fato de o adversário estar em uma situação complicada. Com a derrota por 4×2 para o Boa Esporte Clube na última rodada, o time pernambucano carimbou o passaporte para a Série C e vive uma crise financeira que resultou em ameaça de paralisação. Na sexta-feira passada (10), a diretoria do clube foi notificada pelo Sindicato dos Altetas e comunicada de que, se o depósito de ao menos um mês de salários atrasados não ocorrer, o Santa não entra em campo.

No entanto, a cúpula do Paraná teria recebido a informação dos dirigentes pernambucanos de que o pagamento seria efetuado. Independentemente do que ocorrer no decorrer desta terça, o time comandado por Matheus Costa só pensa em si para o compromisso em Recife. "Nenhum jogo está sendo fácil e este é apenas mais um compromisso importante, independentemente da situação do adversário. É ter consciência de que o Paraná deve entrar da mesma forma que entrou no último jogo, pois assim temos muitas chances de sairmos vitoriosos".

Confira a classificação da Série B!

Sempre que questionado sobre a situação do Santinha, o treinador paranista prefere focar em seu time. "Acima de tudo temos que pensar em nós, o que podemos produzir e fazer para conquistar a vitória. Uma prova foi o ABC. Eles ficaram uma semana em greve e ganharam do Londrina por 3×0. Será mais um jogo difícil e temos que pensar no que fazer para conquistar os três pontos", afirmou.

Da mesma forma, ele evita falar em acesso. "Talvez se a gente conseguir essas vitórias, consiga o acesso ou fique próximo para concretizar em casa. Temos que trabalhar como sempre trabalhamos. Vamos pensar primeiro no jogo em Recife e depois o de MaceiÔ, avisou o técnico.

Para a partida, Matheus Costa não anunciou o time titular, mas ele deve manter Rayan improvisado na lateral-esquerda, no posto antes ocupado por Igor, e Vítor Feijão, autor de um dos gols contra o Luverdense, no comando de ataque, deixando Alemão à disposição no banco de reservas.

Ficha técnica

SÉRIE B
2º Turno - 36ª Rodada

SANTA CRUZ x PARANÁ CLUBE

Santa Cruz
Júlio César; Walber, Guilherme Mattis, Anderson Salles e Yuri; Wellington Cézar, Thiago Primão e João Paulo; André Luís, Ricardo Bueno e Bruno Paulo.
Técnico: Marcelo Martelotte

Paraná Clube
Richard; Cristovam, Iago Maidana, Eduardo Brock e Rayan; Gabriel Dias, Vinícius Kiss, Renatinho e João Pedro; Robson e Vitor Feijão.
Técnico: Matheus Costa

Local: Arruda (Recife-PE)
Horário: 21h30
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Sidmar dos Santos Meurer (MG)