Bombeiro do DF é preso por participação em esquema de grilagem

Publicado em 12/01/2018 por Correio Braziliense Online

Um bombeiro do DF foi preso durante uma ação de combate ao dano ambiental, parcelamento irregular do solo para fins urbanos, lavagem de dinheiro e associação criminosa, desencadeada nesta sexta-feira (12/1). Na Operação Déjà-vu, a Delegacia Especial de Proteção ao Meio Ambiente e à Ordem Urbanística (Dema) cumpriu cinco mandados de prisão temporária e 11 de busca e apreensão.
 
 
De acordo com a corporação, o bombeiro já teria sido detido temporariamente duas vezes, uma na  Operação Acton e outra na Sentinela. Ambas as ações tinham objetivo similar ao da Déjà-vu.
 
Os suspeitos se uniram para parcelar de forma ilegal a Chácara 12 da Colônia Agrícola Águas Claras, no Guará. O cumprimento dos mandados de apreensão ocorreu em Vicente Pires, Samambaia, Gama, Taguatinga, Águas Claras e Guará.
 
Aguarde mais informações