Youtube pune Logan Paul após polêmica com vídeo de suicídio

Publicado em 11/01/2018 por O Globo

O youtuber americano Logan Paul de 22 anos - MARK RALSTON / AFP

RIO - Após publicar imagens de uma vítima de suicídio no Japão, o astro da internet Logan Paul foi afastado de dois projetos da plataforma Youtube. O americano de 22 anos, que tem mais de 15 milhões de seguidores, postou um vídeo onde aparecia rindo com amigos de um corpo pendurado numa árvore em Aokigahara, floresta japonesa conhecida pelo elevado número de suicídios.

Conhecida como "Floresta do Suicídio", a Aokigahara fica nas encostas do Monte Fuji no Japão - Atshushi Tsukada / AP

Paul foi removido do "Google Prefeered", serviço de anúncios premium, que oferece anunciantes de marcas aos principais produtores do Youtube. Além disso, a companhia retirou o americano da quarta temporada da série original do Youtube "Foursome". Dessa forma, o youtuber perde influência e capacidade de monetizar seu conteúdo na rede.

Em sua página oficial no Twitter, o Youtube postou mensagem dizendo que estavam "tristes com o vídeo postado" e afirmando que "Suicídio não é piada".

Suicide is not a joke, nor should it ever be a driving force for views. As Anna Akana put it perfectly: "That body was a person someone loved. You do not walk into a suicide forest with a camera and claim mental health awareness."

- YouTube (@YouTube) 9 de janeiro de 2018

O astro chegou a pedir desculpas e removeu o vídeo polêmico do ar. No entanto, o conteúdo já havia acumulado mais de 6 milhões de vizualizações. Em sua última postagem no Twitter, Paul anunciou que estava "tirando um tempo para refletir" e que por hora, não postaria nenhum vídeo.

taking time to reflect
no vlog for now
see you soon

- Logan Paul (@LoganPaul) 4 de janeiro de 2018