Caixa Seguridade tem lucro 16% maior no terceiro trimestre

Publicado em 14/11/2017 por Valor Online

SÃO PAULO - A Caixa Seguridade informou que obteve lucro de R$ 314,6 milhões no terceiro trimestre, uma alta de 16,1% na comparação com o mesmo período do ano passado. As receitas operacionais subiram 17,3%, para R$ 374,6 milhões. "A seguridade manteve a trajetória de crescimento das vendas no balcão da Caixa, com destaque para os seguros prestamista e vida e para os produtos de previdência. Os prêmios emitidos, as contribuições e as arrecadações recebidas pelas empresas do grupo Caixa Seguradora tiveram um aumento de 47,4% no trimestre, o que resultou em um acréscimo de 20 pontos-base na participação da Caixa Seguridade no mercado de bancassurance", diz em a empresa no seu balanço. Segundo a Caixa Seguridade, sua fatia de mercado subiu para 8,1%, maior patamar desde sua constituição. O retorno sobre o patrimônio líquido médio ficou em 34,1% ao ano. Parcerias No dia 28 de setembro, a Caixa Seguridade comunicou ao mercado que, após receber proposta não solicitada, firmou com a CNP Assurances um "memorando de entendimentos", não vinculante, que regula acordo em princípio para a formação de uma nova sociedade para a exploração conjunta dos ramos de seguros de vida, prestamista e previdência privada, com exclusividade, na rede de distribuição da Caixa Econômica Federal (balcão Caixa). Os negócios da nova joint venture serão desenvolvidos por um veículo societário a ser criado pelas partes. A exclusividade da nova sociedade para a distribuição dos ramos acima mencionados no balcão Caixa vigorará de janeiro de 2018 a fevereiro de 2041. A transação ainda está sujeita à negociação e assinatura de documentos definitivos e vinculantes, que passarão pelos órgãos de governança das partes. Já em 2 de outubro a Caixa Seguridade comunicou ao mercado que, com o auxílio de seus assessores financeiros, iniciou processo para a escolha de parceiros estratégicos que atuarão na rede de distribuição para a exploração da comercialização de produtos nos ramos de seguros habitacional, auto e riscos patrimoniais e diversos, além de consórcios.