Coreia do Norte acusa os Estados Unidos de querer provocar uma guerra

Publicado em 07/12/2017 por Jornal Extra Alagoas

A Coreia do Norte acusou, nesta quinta-feira, 7, os Estados Unidos (EUA) de querer provocar uma guerra na Península Coreana, uma decisão que se reflete na escalada das manobras militares de Washington e os comentários "belicistas" das autoridades sobre o país.

O governo da Coreia do Norte acredita que Washington optou pela estratégia de caminhar passo a passo para explodir o conflito e que o que pode ser perguntado agora é "quando explodirá a guerra"?.

O porta-voz do Ministério da Coreia do Norte afirmou: "não desejamos uma guerra, mas não fugiremos dela" e advertiu os EUA de que "pagarão caro" por provocar um conflito com sua "poderosa força nuclear, que fortalecemos constantemente".

A tensão na Península da Coreia aumentou nos últimos meses, após o último teste nuclear norte-coreano em setembro e os lançamentos de mísseis balísticos, o mais recente e mais avançado na semana passada.

O assessor de Segurança Nacional da Casa Branca, o tenente-general Herbert Raymond "H.R." McMaster, disse recentemente que a possibilidade de uma guerra com a Coreia do Norte "está aumentando a cada dia".