Retomada da economia passa pelo agronegócio, afirma ex-ministro da Agricultura

Publicado em 05/01/2021 por Agrolink

Para Geller, agro nacional enfrentou dentro do razoável a pandemia

Os impactos econômicos provocados pela pandemia no Brasil deverão ser superados pela força do agronegócio. Enquanto especialistas projetam que a retomada da economia no pós-pandemia passará pelo crescimento de receita e produção de café, soja e milho, por exemplo, o ex-ministro da Agricultura Neri Geller assegurou que o setor servirá de mola propulsora para retomar o caminho do crescimento econômico. “O agronegócio vai ser, com certeza, o grande instrumento da retomada da economia do Brasil”, afirmou.

Em entrevista ao Portal Agrolink, o deputado federal Neri Geller (PP-MT) também considerou que o projeto de lei que facilita a compra e o arrendamento de terra por estrangeiros será derrubado na Câmara Federal. No fim de 2020, o Senado aprovou o texto. Logo em seguida, o presidente Jair Bolsonaro já manifestou-se contrário ao projeto. “O Bolsonaro não vai precisar vetar porque nós vamos derrubar o texto na Câmara. Eu sou a favor do livre mercado, de investimentos estrangeiros, mas não de vendas de terras”, reiterou Geller. 

Sobre a produção agrícola em meio à pandemia, o ex-ministro também classificou como positivas as ações tomadas pelo governo brasileiro. “Nós tivemos a maturidade suficiente para realizarmos o enfrentamento dentro do que era razoável, como o funcionamento de portos e terminais rodoviários, que mantiveram o avanço das exportações. Acho que conseguimos ter um equilíbrio da preservação da saúde da população com a manutenção da economia”.