Veja em números o que todo mundo já sabe: mulheres trabalham mais que os homens em casa

Publicado em 07/12/2017 por O Globo

RIO - Pesquisa inédita do IBGE divulgada nesta quinta-feira mostra, em números, a diferença entre homens e mulheres na hora de cuidar da família e da casa. Não é novidade para ninguém.

São elas que cuidam das crianças:

87%
das mulheres
ATUAM NOS
CUIDADOS PESSOAIS
(alimentar, vestir, dar banho, colocar para dormir),
entre os
homens, só
65%
87%
das mulheres
ATUAM NOS
CUIDADOS PESSOAIS
(alimentar, vestir, dar banho, colocar para dormir),
entre os
homens, só
65%

Estão mais presentes na hora do dever de casa:

72%
das mulheres
AJUDAM NAS
ATIVIDADES ESCOLARES
DOS FILHOS
enquanto apenas
59% dos homens
fazem isso
72%
das mulheres
AJUDAM NAS
ATIVIDADES ESCOLARES
DOS FILHOS
enquanto apenas
59% dos homens
fazem isso

Cuidam da arrumação da casa e da louça:

96%
das mulheres
COZINHAM, ARRUMAM
A MESA E LAVAM
A LOUÇA
enquanto entre os
homens
a participação
59%
cai para
96%
das mulheres
COZINHAM, ARRUMAM
A MESA E LAVAM
A LOUÇA
enquanto entre os
homens
a participação
59%
cai para

Além da roupa e dos sapatos:

91%
das mulheres
LAVAM ROUPAS
E LIMPAM CALÇADOS
enquanto só
56% dos homens
fazem isso
91%
das mulheres
LAVAM ROUPAS
E LIMPAM CALÇADOS
enquanto só
56% dos homens
fazem isso

Mas, em uma "tarefa" eles se aproximam... na hora do lazer (sabe aquela pelada com os filhos?):

Homens e mulheres
só participam
EM IGUALDADE
na hora de ler, jogar
ou brincar
(72% dos homens e
74% das mulheres)
Homens e mulheres
só participam
EM IGUALDADE
na hora de ler, jogar ou brincar
(72% dos homens e 74% das mulheres)

Ah, ok, eles também trocam a lâmpada...

Os homens são
superiores apenas
EM PEQUENOS
REPAROS NA CASA
no caso e nos eletrodomésticos: 65% deles faz isso, enquanto apenas 34% das mulheres
Os homens são
superiores apenas
EM PEQUENOS
REPAROS NA CASA
no caso e nos eletrodomésticos: 65% deles faz isso, enquanto apenas 34% das mulheres

A pesquisa do IBGE constatou que entre os homens e mulheres ocupados (ou seja, que estão no mercado de trabalho), elas dedicam em média 7,5 horas semanais a mais do que eles aos afazeres domésticos e cuidados com a família.

LEIA MAIS: Só na hora de brincar participação do homem se aproxima a da mulher

CONFIRA AINDA: Brasil tem 6,5 milhões de voluntários

E MAIS: IBGE planeja para 2020 medir peso dos afazeres domésticos na economia