Após protesto, Ucsal justifica reajustes: feitos de acordo com a legislação

Publicado em 16/06/2017 por Bahia Notícias

Após protesto, Ucsal justifica reajustes: feitos de acordo com a legislação
Foto: Divulgação

Após estudantes do campus Pituaçu protestarem na última terça-feira (13) (veja aqui) contra os aumentos de mensalidade da Universidade Católica de Salvador (Ucsal) e contra o fim das provas finais, a instituição de ensino informou que os reajustes são feitos de acordo com a legislação e que todas as decisões financeiras, acadêmicas e administrativas são colegiadas. "Sobre as mudanças no método avaliativo, somos uma instituição tradicional com os olhos no futuro, prezamos pela formação completa do aluno, portanto, entendemos que nosso processo de avaliação deve evoluir assim como o mercado de trabalho, cada vez mais competitivo e plural", diz a Ucsal em nota. A instituição afirmou ainda que se mantém aberta ao diálogo.