Fabiano Dallazen: o Ministério Público pelo RS

Publicado em 10/06/2017 por Zero Hora

* Procurador-geral de Justiça

O Brasil atravessa momento extremamente delicado, exigindo prudência e equilíbrio de todos aqueles que se preocupam com o futuro da nação. Não existem soluções fáceis para o desenlace das crises que se multiplicam no campo político e econômico. Contudo, nesse momento de incertezas, é imperioso observar que o Ministério Público vem assumindo nacionalmente o protagonismo das mudanças, especialmente no combate à corrupção e na preservação do Estado de Direito, contribuindo para o aperfeiçoamento da nossa democracia.

Nesse contexto, fui escolhido para conduzir o Ministério Público do Rio Grande do Sul no próximo biênio. Junto com o orgulho, trago a consciência das responsabilidades inerentes ao cargo e do cenário de turbulências, que impõe muitos desafios. Aproximar ainda mais o Ministério Público das demandas sociais será prioridade, concentrando esforços e recursos em áreas de grande impacto social como a segurança pública, a saúde, a educação, a sustentabilidade e a proteção social, sempre de forma planejada e estratégica.

Impossível não destacar, neste momento, a segurança pública, tema que já vem recebendo especial atenção do Ministério Público. Além do enfrentamento cotidiano à criminalidade, já realizado através da atuação dos promotores e procuradores de Justiça, iremos reforçar nossas ações de articulação e integração com os demais órgãos de segurança, com firme propósito de encontrar soluções que possam auxiliar na redução da violência e da criminalidade.

Tenho a convicção de que somente com a união dos órgãos e instituições públicas conseguiremos resolver problemas crônicos de uma sociedade cada vez mais complexa e interconectada. Ressalto, ainda, que se torna inarredável a qualificação de nossas estruturas de planejamento e gestão, tendo em vista o permanente crescimento das demandas da sociedade sem o proporcional incremento na receita disponível para investimentos públicos. Por fim, apesar das dificuldades que se impõe, asseguro ao povo gaúcho que o Ministério Público seguirá cumprindo sua missão de forma eficiente e resolutiva na defesa dos interesses do Rio Grande do Sul e de sua população.

Leia outros textos de opinião